Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

27/08/2015

Encalhados numa ruga do contínuo espaço-tempo (44) – Minas de carvão para todos e carruagens só para mulheres

Jeremy Corbyn, o homem que se propõe enterrar o New Labour, segundo o Público, e o Old Labour segundo outros, incluindo eu, nacionalizar os transportes, reabrir as minas de carvão fechadas há 30 anos, tem segundo as projecções o voto da maioria dos eleitores registados do Labour, incluindo conservadores que se registaram para votar nele, gastando 3 libras na esperança que ganhe, dizem.

Jeremy Corbyn propõe-se também, quando um dia for aiatola prime minister, criar carruagens de metro e de comboio só para mulheres para evitar o assédio.

Carruagem chinesa em Teerão e em breve em Londres
É claro que criar carruagens só para mulheres é a mesma coisa que criar carruagens só para homens, uma ideia que se fosse proposta por um conservador faria desencadear uma onda de indignação nos mídia e nas redes sociais.

2 comentários:

Antonio Cristovao disse...

Bem dizia o cherne, que nós na Europa tambem temos palhaços tipo Trump, mas sabemos quem eles são e não lhes damos grande credito; será?

Anónimo disse...

Os votos dos (muitos) seguidores da religião das pás estão garantidos...