Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

28/05/2015

Estado empreendedor (95) – A visão de António Costa, mais do mesmo

Só hoje reparei que o futuro primeiro-ministro de Portugal defendeu publicamente a tese da necessidade de «recuperar o Estado como empreendedor», atribuindo-lhe «um efeito catalisador e motor».

É bom que o faça para que ninguém fique enganado. As consequências do «efeito catalisador» nas empresas do sector público, desde a TAP e todas as empresas de transportes públicos até à RTP, são bem visíveis, sem esquecer a profusão de outros casos de todos os tamanhos e importâncias que deram pretexto à quase centena de posts que por aqui se escreveram com exemplos desse «efeito catalisador».

Sem comentários: