Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

03/06/2014

O cinismo apoiado na inconsciência

«A caridade manda-me acreditar que pouca gente no Tribunal Constitucional fará ideia do verdadeiro papel que está a desempenhar. Um dia, Chateaubriand viu Talleyrand chegar apoiado no braço de Fouché, e comentou: é o vício apoiado no crime. Aqui, vendo os políticos a dar o braço aos juízes, talvez nos fosse permitido dizer: é o cinismo apoiado na inconsciência

«Entre a troika e o Tribunal Constitucional», Rui Ramos no Observador

1 comentário:

Anónimo disse...

"Estando em causa questões onde texto constitucional não oferece respostas claras, que sentido faz a opinião de uma maioria simples de juízes prevalecer sobre a de uma maioria de deputados eleitos?"

Isto é que está bem visto por Gonçalo ... Ribeiro no Observador

tina