Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

12/06/2014

A atracção fatal entre a banca do regime e o poder (19) - O caso GES visto por um especialista

[Mais atracções fatais]

No seu blogue «Arma/Crítica», um nome que ficaria bem num blogue de um membro da Mesa do BE, João Rendeiro, o homem que apresentou o seu livro de memórias no dia em que se ficou a saber que o seu BPP estava falido, publicou há duas semanas um post com o sugestivo título «A INSOLVÊNCIA DO GRUPO ESPIRITO SANTO», onde descreve o caso GES como «falsificação de contas, infidelidade e burla qualificada» e conclui que comparado com «outros banqueiros que – se algo de errado fizeram – é “brincadeira de crianças” comparado com o que viemos agora a conhecer». Ele deve saber do que fala.

O facto daquele post bombástico ter passado despercebido até ontem, quando foi citado pelo Expresso, sugere que já ninguém lhe presta atenção a Rendeiro. E, entanto, ele teria tantas histórias interessantes para contar…

Sem comentários: