Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

24/06/2014

DIÁRIO DE BORDO: Contributos para um dicionário de socialês

Arruaça: uma manifestação orquestrada que insulta um dirigente socialista que a Nação, através de legítimos socialistas e de jornalistas amigos, pretende ver à frente do PS e, em breve, a dirigir os destinos do País, substituindo um primeiro-ministro de um governo cuja legitimidade já foi declarada esgotada por legítimos socialistas e jornalistas amigos falando em nome do Povo.

Grandolada: uma manifestação genuinamente popular que afronta legitimamente titulares de órgãos de soberania cuja legitimidade já foi declarada esgotada por legítimos socialistas e jornalistas amigos falando em nome do Povo.

Actos antidemocráticos: a discordância por um governo com maioria parlamentar de decisões de um órgão judicial «cujos membros são nomeados em cozinhados partidários ou cooptados em refogados intramuros»; não confundir com actos democráticos.

Actos democráticos: abrangem chamar «palhaço» ao PR ou adverti-lo que pode acabar a tiro como o rei D. Carlos ou ainda ameaçar «correr à paulada» um governo cuja legitimidade já foi declarada esgotada por socialistas legítimos e jornalistas amigos falando em nome do Povo.

Acto inconstitucional: acto que o Tribunal Constitucional, «cujos membros são nomeados em cozinhados partidários ou cooptados em refogados intramuros», considera ofender um qualquer dos princípios genéricos que, enumerados ou não na Constituição, servem para impedir actos antidemocráticos; não abrange tentativas de realizar um congresso extraordinário não previsto nos estatutos para eleger um novo secretário-geral que a Nação, através de legítimos socialistas e de jornalistas amigos, pretende ver à frente do PS.

[Este dicionário faz parte da família dos dicionários do Ês]

Sem comentários: