Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

13/07/2013

TIROU-ME AS PALAVRAS DA BOCA: A orfandade da esquerda

«No fundo, a esquerda é órfã da religião – e, nunca se satisfazendo, vai saltando de esperança em esperança, de utopia em utopia. Não aprende com a História
José António Saraiva, na Tabu do SOL.

A primeira vez que suspeitei desta orfandade da esquerda foi há uns 40 anos quando uma antiga crente militante me disse que percebia perfeitamente a minha militância política da época porque era exactamente igual à que ela tinha tido. Eu acrescentaria ao que escreveu AJS: atrás dos saltos utópicos (de esquerda, como de certas direitas) ficaram frequentemente uns milhões de vítimas.

Sem comentários: