Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

10/07/2013

DIÁRIO DE BORDO: Talvez a pior de todas as más soluções

Suspeito que, nas actuais circunstâncias e depois da faladura de S. Exa., o desfecho mais desestabilizador para a governabilidade do protectorado e o que menos garante a disposição dos credores o manterem a flutuar, já não seja a dissolução do parlamento e a convocação de eleições antecipadas. Suspeito que seja o governo a prazo em que Cavaco Silva acabou de converter este navio a fazer água, com o capitão e o imediato engalfinhados, entregando a válvula de fundo nas mãos de António José Seguro, um líder incapaz e fraco, condenado a agitar-se espasmodicamente e a mostrar serviço para não ser despedido pelo próprio partido.

Sem comentários: