Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

17/06/2016

Kirchner & Kirchner - O socialismo tropical ou fantástico é o socialismo dilatado pelo calor

Generalizando Eça, provavelmente o escritor que melhor descreveu a alma lusitana, podemos dizer que o socialismo argentino é parecido com o português dilatado pelo calor. Nós por cá tivemos, entre outros, o caso de um ex-primeiro-ministro com alegadas contas na Suíça, alegadamente provisionadas com dinheiro de alegadas luvas.

Compare-se com a Argentina, governada durante mais de 70 anos pelo justicialismo e nos últimos 12 anos até recentemente pela família Kirchner, onde um ex-secretário das Obras Públicas dos governos da família foi detido a enterrar sacos com milhões de dólares, euros, etc. nos jardins de um convento. Enquanto isso, Cristina Kirchner está a ser investigada por lavagem de dinheiro e corrupção.

Notem-se os efeitos do calor na falta de estilo: contas bancárias, trocadas por sacos de dinheiro; bancos trocados por jardins; Suíça trocada por conventos. Não é mesma coisa.

Sem comentários: