Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

13/06/2015

Mitos (198) – Take Another Plane ou Take Another Plan? (IV)

Outros mitos (I), (II) e (III)

A propósito da decisão de vender 61% da TAP ao consórcio Gateway de David Neeeleman e Humberto Pedrosa, os tapistas e as suas câmaras de eco nos mídia excederam-se uma vez mais a dizer e a escrever coisas biblicamente estúpidas. Dois de entre dezenas de exemplos possíveis:
Não vou repetir tudo o que já escrevemos no (Im)pertinências (ver a etiqueta TAP) desmontando a mistificação à volta do tema. Vou simplesmente e a propósito das reacções à venda recomendar a leitura do artigo «Quero tudo, quero já e quero de borla» de Paulo Ferreira no Observador e, muito especialmente, o post esclarecedor e faqtual «FAQ sobre a TAP» no Insurgente.

Sem comentários: