Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

17/12/2013

ACREDITE SE QUISER: O relógio de Portas

Paulo Portas instalou na sede do CDS um relógio com a contagem decrescente do tempo para o final do programa de ajustamento da troika. (ver o vídeo aqui)

Se Paulo Portas não fosse o que é, seria razão para estarmos muito preocupados com a falta de consciência do líder de um dos partidos da coligação que governa o país acerca do day after num país cravejado de dívidas cujo serviço absorverá nas próximas décadas uma boa parte da poupança. Sendo quem é, não é razão para estarmos mais preocupados do que o costume.

1 comentário:

Vivendi disse...

Este post rendeu umas boas gargalhadas...