Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

01/10/2012

DIÁRIO DE BORDO: Caught in the Act (1)

Rita Hayworth & Fred Astaire

1 comentário:

Anónimo disse...

Ora vamos lá. Desta vez tem que ser feito o elogio aos delírios pontuais (TODOS). Vexas são cultos, são inteligentes (daí que não sejam espertos), são alegres, sabem falar na podridão e na devassa. E sempre com um toque tão especial que acho que já estou a ir longe nos elogios.
Abraço,
eao