Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

30/10/2012

Serviço público segundo a Lusa

O discurso do ministro da Defesa no Dia do Exército:

«O discurso da inutilidade das Forças Armadas é, assim, o nosso maior adversário. Um adversário que ministro, generais e soldados têm de tomar como seu. Porque este adversário é tão corrosivo, tão arriscado e tão perigoso para a segurança nacional como qualquer outra ameaça externa.»

O título do Público (serviço da Agência Lusa):

«Aguiar-Branco: comentadores são tão perigosos como qualquer ameaça externa»

[Lido em O Insurgente]

Sem comentários: