Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

02/10/2013

Dúvidas (28) – Putin Nobel da Paz? E porque não?

O czar Vladimir foi proposto por um grupo de apparatchiks activistas russos para prémio Nobel da Paz. E porque não? Se Putin tem já duas guerras no currículo (Chechénia e Geórgia, a primeira fez uns 150 mil mortos) e talvez tenha evitado uma terceira (Síria), está em vantagem em relação ao Nobel da Paz de 2009 que ao fim de nove meses de mandato ainda não tinha conseguido iniciar nenhuma guerra, e agora já tem duas e, se não fora o camarada Putin, já iria na terceira… Pourquoi pas?

Puf. Olha que grande coisa… Deram-me um há 4 anos…
O que não se aceita é a campanha iniciada pelo Partido Comunista russo para retirar o prémio Nobel da Paz a Barack Obama. Descansai camaradas, há Nóbeis da Paz que cheguem para todos.

1 comentário:

Anónimo disse...

Situação perfeita e completamente analisada.
E, claro, há nobeis para todos os malandros — Madela, Arafat, et all. — incluindo o do III reich que deu em escrevinhador, e o nosso, glorioso komrad, de honrada memória.
abraço do eao