Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

21/12/2010

CASE STUDY: quem é o deus ex machina da Ongoing? (11)

[Continuação de (1), (2), (3), (4), (5), (6), (7), (8), (9) e (10) e retrospectiva]

Já se sabe quem é a Ongoing, o seu deus ex machina (os Espíritos) e, pela boca de Armando Vara, o que podemos esperar dos seus timoneiros (Nuno Vasconcelos e Rafael Mora). E também se vai ficando a saber quem são os seus amigos como Soares Carneiro, o administrador da PT que decidiu, à revelia da comissão de investimentos, aplicar o dinheiro das pensões dos empregados da PT em fundos geridos pela Ongoing, decisão que deixou tão expostos os meandros da coisa que Granadeiro teve que lhe tirar o tapete e obrigá-lo a demitir-se.

E o que se faz aos amigos quando eles perdem o emprego por amor à nossa causa? Oferece-lhes outro, evidentemente. De preferência longe, por razões de discrição. Foi o que fez a Ongoing ao oferecer uma tença não discriminada a Soares Carneiro no Brasil.

Também se sabia que José Dirceu, o projectista, cabeça-de-turco de Lula da Silva para o Mensalão e amigo do peito de Dilma Rousseff, trabalha num jornal da Ongoing no Brasil e a sua namorada é consultora da Ongoing também no Brasil. Igualmente ficou conhecido que Jorge Silva Carvalho, o chefe dos espiões cuja demissão foi divulgada durante a cimeira da NATO, está a caminho da Ongoing.

Sabia-se tudo isso, e também que Joaquim Pina Moura, baptizado por Guterres como «Cardeal» de quem foi secretário de estado e ministro das Finanças acumulando com a Economia, acumula ou acumulou a folha da pagamentos do BCP, da Galp Energia, da Media Capital, da Iberdrola e, sabe-se agora, a da Heidrich & Struggles uma consultora de que são sócios Nuno Vasconcelos e Rafael Mora os timoneiros da Ongoing. Pina Moura confirmou assim as suas qualidades de acumulador.

Todos estes, e outros peões menores, fazem parte da machina da Ongoing, sendo o deus ex machina os Espíritos Santos. Onde quer a machina chegar? O que espera o deus ex machina de tudo isto?

Sem comentários: