Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

25/04/2017

Mitos (250) - O contrário do dogma do aquecimento global (XV)

Outros posts desta série.

Em retrospectiva: que o debate sobre o aquecimento global, principalmente sobre o papel da intervenção humana, é muito mais um debate ideológico do que um debate científico é algo cada vez mais claro. Que nesse debate as posições tendam a extremar-se entre os defensores do aquecimento global como obra humana – normalmente gente de esquerda – e os negacionistas – normalmente gente de direita – existindo muito pouco espaço para dúvida, ou seja para uma abordagem científica, é apenas uma consequência da deslocação da discussão do campo científico, onde predomina a racionalidade, para o campo ideológico e inevitavelmente político, onde predomina a crença.


Economist
Supondo que estes não são «factos alternativos», está a passar-se qualquer coisa no Árctico. Que esta qualquer coisa seja obra do homem é uma outra questão.

2 comentários:

RioD'oiro disse...

Tretas.

No hemisfério Norte, o gelo é apenas uma pele flutuando sobre o mar. Basta que o vento sopre de forma diferente e ele amontoa-se numa zona deixando as restantes a descoberto. Experimente, nas mesmas décadas, seleccionar os anos procurando nos mais recuados menos cobertura e nos mais recentes mais cobertura e gerará uma "verdade" alternativa.

Entretanto, no hemisfério Sul, onde há gelo em quantidades infinitamente superiores que na zona polar Norte, o gelo vem-se acumulando de forma impressionante, umas teratoneladas mais a cada ano e de gelo crescentemente mais frio ... razão porque cada vez de desprende mais gelo ... o que permite aos tretas "demonstrar" que cada vez ele se solta mais.

Enfim, coisas da ciência dos "esclarecidos".

https://wattsupwiththat.com/reference-pages/sea-ice-page/

RioD'oiro disse...

Por que terão aparecido, na Gronelândia, na sequência de terem derretido os "gelos eternos", casas de vikings?

http://www.sciencemag.org/news/2016/11/why-did-greenland-s-vikings-disappear

https://phys.org/news/2013-11-greenland-shrunken-ice-sheet-weve.html

Se calhar os Vikings desconheciam, as certezas "científicas" de hoje.