Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

28/04/2016

ACREDITE SE QUISER: Fidelidade conjugal

"Meu voto ( ... ) é para dizer que o Brasil tem jeito, e o prefeito de Montes Claros mostra isso para todos nós com sua gestão."


«RAQUEL MUNIZ, deputada federal (PSD-MG) que. ao votar a favor do impeachment. fez questão de referir-se a seu marido, Ruy Munlz (PSB), o tal "prefeito de Montes Claros". No dia seguinte, Ruy Muniz foi preso pela PF em Brasília por ser suspeito de prejudicar os hospitais públicos de sua cidade para favorecer um hospital privado controlado por seus familiares. Diante da repercussão do fato. Raquel declarou que reiterava o que dissera.»

Revista Veja, 27 de Abril

Sem comentários: