Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

30/07/2012

Pro memoria (61) – o efeito do tempo sobre as opiniões

Vital Moreira hoje no negócios online

«Relvas não é um ministro qualquer. … Já há três questões: as secretas, o público e a licenciatura. … Este último episódio é grave porque a legalidade é pelo menos duvidosa. A lei é clara que o conselho científico deve decidir não numa base ad-hoc mas numa base genérica. Em segundo lugar, um político não está só sujeito à lei, tem outras obrigações para além das legais. Sob esse ponto de vista, a gravidade é muito grande. …Se eu estivesse no lugar dele – Deus nos livre! – já o teria feito (demitido)».

O mesmo (?) Vital Moreira há 5 anos no blogue Causa Nossa

«Parece-me que chegou a altura de Sócrates sacudir a pressão que os media continuam a alimentar por causa do controverso processo da sua licenciatura na Universidade Independente, cujo agendamento público coincidiu "por acaso" com a manifestação do caos institucional dessa mesma universidade privada. O silêncio já não constitui a resposta adequada às especulações jornalísticas e às desconfianças instiladas na opinião pública

Sem comentários: