Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

17/10/2011

Uma nova causa facturante fracturante para o berloquismo

As despesas com alimentação infantil (cerca de 100 milhões) foram já ultrapassadas pelas despesas com rações de animais de companhia (cerca de 150 milhões), incluindo cerca de 1,5 milhão de cães e de 1 milhão de gatos. Em conjunto, os canídeos e gatídeos dão 25 a 1 aos apenas 100 mil humanos nascidos em cada ano. (Fonte: Expresso)

É uma nova frente que se abre ao berloquismo em crise: exigir já abono de família para a bicheza doméstica e sair da situação «abaixo de cão» em que ficou depois de ter sido humilhado na Madeira pelo Partido dos Animais, como oportunamente lembrou o berlogue 5 dias.

Sem comentários: