Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

07/07/2016

Um dia como os outros na vida do estado sucial (29) - O presidente multitask

Num só dia, o presidente Marcelo enfiou a cabeça em vários chapéus.

Como ministro das Finanças, a fazer as vezes de Mário Centeno, «Marcelo antecipa data para a posse da administração da CGD».

Como seleccionador, a fazer as vezes de Fernando Santos, diz-se «preocupado com lesão de Pepe».

Como comentador, a fazer as vezes dele próprio, sopesando cogumelos, diz que «o cogumelo maior é o cogumelo presidencial e este é o governo porque é mais pequenino» e que aguenta o governo «por uns tempos». Não se conhecem os comentários do cogumelo mais pequenino, por uns tempos.


Como entertainer, a fazer as vezes de presidente itinerante, esteve em Alfândega de Fé a prometer unidades de missão e a tocar bombo.

2 comentários:

ahmaro disse...

E ainda foi a França ver a bola...
Neves

Antonio Cristovao disse...

Ainda não ouvi pedir ao Cavaco que volte, mas continuo com esperança de ouvir, num futuro não muito longincuo.