Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

10/07/2016

DIÁRIO DE BORDO: Contra todas as probabilidades


Pobres gostam de taças. Quem não gosta de taças são os intelectuais. Teria dito Joãozinho Trinta, se não fosse brasileiro.

Aditamento: até em África gostam das taças ganham pelos tugas.

3 comentários:

Oscar Maximo disse...

Duvido que seja contra as probabilidades ganhar a taça alguma vez. Até a Grécia, com metade da população, ganhou a taça. Agora, como os Gregos, só falta uma bancarrota a seguir.

Anónimo disse...

Joãosinho Trinta: (Sobre o Carnaval) O povo gosta de luxo. Quem gosta de miséria é intelectual.

Anónimo disse...

O vosso aditamento é de alto valor humano. Contra a ideologia, sobretudo da esquedalhada. Vão lá ler e ver.