Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

22/09/2015

Pro memoria (266) – Costa, o devedor de promessas (10)

Inventário

Em promoção (ontem à noite em Vila Real na companhia de um dos acólitos mais notórios de José Sócrates):

«O líder do Partido Socialista promete criar uma nova prestação social. (...)  António Costa disse querer "resgatar" os trabalhadores que vivem abaixo do limiar da pobreza.» (SIC Notícias)

A cada nova sondagem indicando estar o PS em risco de perder as eleições, vendo a sua cabeça a prémio (já se perfilam os sucessores), Costa multiplica-se em novas promessas. Ao fazê-lo Costa revela o que pensa dos eleitores: uma cambada de imbecis que acreditam em qualquer patranha. Talvez tenha razão.

1 comentário:

Anónimo disse...

o Vaixxá faz parte de uma caspa indiana de comerciantes. Ainda o veremos vender pentes para carecas.