Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

07/12/2011

BREIQUINGUE NIUZ: Achtung! Os vossos filhos podem já ter tido sexo com crianças

Até ontem eu pensava que os serviços de pediatria (= paidos + iatreia ) se encarregavam de tratar as maleitas das crianças, isto é de criaturas na infância ou, vá lá, na pré-adolescência. Estava enganado. Para os respectivos serviços, crianças são criaturas até aos 15 anos, ou até aos 16 ou 17 ou mesmo 18 anos, idade em que se atinge a maioridade. Os serviços respectivos, além de não estarem de acordo, também estão quase todos enganados. A Convenção sobre os Direitos da Criança da UNICEF no seu artigo 1.º define criança como «todo o ser humano menor de 18 anos, salvo se, nos termos da lei que lhe for aplicável, atingir a maioridade mais cedo.» Fico aturdido pela enormidade da minha ignorância. Sendo assim, nestes tempos de precocidade, um jovem adulto já com relações sexuais no currículo é considerado uma criança?

Sem comentários: