Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

12/03/2016

Mitos (222) – A excelência das nossas universidades

Inspirados pelo Quinto Império e a mania do povo eleito, que apenas serve para promover uma vida com a cabeça em nuvens sebásticas, como escreveu há dias um dos heterodoxos preferidos do (Im)pertinências, nos últimos anos os mídia começaram a povoar-se com laudas à excelência das nossas universidades.

Acontece que as nossas universidades não são excelentes. Há umas ilhas de excelência, como os mestrados em Gestão da Nova e da Católica e pouco mais. Vejamos então o que pensa do assunto o Times Higher Education.


A primeira e única universidade portuguesa que aparece no ranking das 200 melhores é o IST em 181.º lugar.

Sem comentários: