Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

03/08/2014

Estado empreendedor (88) – Arsenal do Alfeite, um novo aeroporto de Beja?

Sabem a quem o governo adjudicou a preparação de uma proposta de «criação de cenários de evolução empresarial em situação competitiva e de soluções de reestruturação para o Arsenal do Alfeite»?

Augusto Mateus, o ministro do governo Guterres que inventou o plano com o seu nome para recuperar empresas irrecuperáveis. O mesmo consultor a quem o 1.º governo de José Sócrates adjudicou o estudo do «Plano Regional de Inovação do Alentejo», onde se referenciava o aeroporto de Beja como uma «plataforma logística para a carga a receber e a expedir de/para a América e África, incluído o transporte de peixe, utilizando aviões de grande porte e executando em Beja o transhipment para aviões menores para a ligação com os aeroportos europeus» e ainda um «entreposto para a carga recebida no porto de Sines, passível de ser transportada por meios aéreos, frescos agrícolas produzidos na zona de regadio do Alqueva e Andaluzia».

Em caso de dúvida sobre o celebrado aeroporto de Beja, favor consultar a série de post que lhe dedicámos. Não digam que não foram avisados.

Sem comentários: