Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

19/08/2014

De boas intenções está o inferno cheio (22) – Consequências involuntárias do pedantismo intelectual

Por exemplo, fazendo a lavagem com o Euro e um passa-culpas com o BCE das responsabilidades dos Espírito Santo e, em particular, de Ricardo Salgado e dos seus acólitos na falência do GES e na ruína do BES.

Ou, por exemplo, fazendo a lavagem das diferenças entre políticas e políticos e concluindo que, devidamente lavadas, as diferenças entre políticas deixam de existir, devemos por isso escolher os políticos mais mediáticos.

Sem comentários: