Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

03/12/2003

BLOGARIDADES: Blogues mutantes - uma amélia vira cornélia, uma inteligente vira bimba e nasce uma parola no firmamento da bloguilha.

A doutora Amélia, essa pesporrência humilhante de abrunhos, casou-se, disse ela, com um artola qualquer, proprietário de um blog sério, e liquidou o seu Procuro marido.
Arrumada a doutora Amélia, surge a doutora Cornélia que se apresenta como um altar eco da Amélia, e que procura, com muito farfalho, um bigode farfalhudo, que ainda não encontrou. Nem encontrará, pelo menos enquanto não passar de um blogue com uma só posta – um monoposta.
A doutora Charlotte, lá continua com o seu bomba inteligente, essa mistura entre o mental e o mundano, nas sábias palavras do doutor Mexia, e com as suas parábolas do mau escritor e do bom pedreiro e os seus dilemas da nenhuma diferença entre homens e mulheres.
Enquanto isso, no mesmo dia em que a Cornélia nasce na bloguilha, nasce também uma sua alma gémea: a doutora Cachalotte, com o seu bimba ininteligível. Ao contrário da bomba, a quem falece o humor, escorrem da bimba cataratas de non sense.
A coisa promete. Ou o coiso promete. E, assim, com uma cajadada se matam duas coelhas – a coelha Cachalotte, que tanto diz gostar do coiso como reconheceu aqui, e a coelha Charlotte que, supõe-se, não vê nenhuma diferença entre a coisa e o coiso.
Mas a coisa, ou o coiso, não fica por aqui. O pior ainda estava para vir. Estava mas já não está: chegou no dia 18 de Novembro. Chegou com a parola consulta.... Com a parola mudamos de galáxia e entramos no domínio da quase loucura. A começar com a banda sonora Rádio Colômbia e a fechar (no dia 25) com um rapaz ... (que) tem suspensórios...e faz xixi na sanita, à primeirinha! Sentado, claro!!!!!
Sente-se no ar da bloguilha uma saudável loucura.

Sem comentários: