Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

09/11/2010

De boas más intenções está o inferno cheio (2)

Já era difícil perceber porque aumentaram as importações de electricidade 10 vezes nos últimos 8 anos depois de se torrar investimento em energias renováveis com subsídios que chegam a atingir 2 vezes o custo por unidade das energias convencionais. Fica ainda mais difícil entender como foi isto possível sabendo-se que as centrais térmicas a carvão e gás estão subutilizadas e que a sua produção caiu 30% nos primeiros 9 meses do ano, queda que vai ser custar aos consumidores com uma compensação de 305 milhões de euros aos produtores.

Sem comentários: