Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

12/08/2016

AVALIAÇÃO CONTÍNUA: O Leónidas do século XXI

Secção Still crazy after all these years

Ontem Michael Phelps facturou a sua 13.ª medalha de ouro individual nos 200 m livres ultrapassando assim qualquer ser vivo e até mesmo os mortos. Leónidas de Rodes que participou em 4 Olimpíadas, só ganhou 12 medalhas de ouro, as últimas há 2.168 anos.

Leva 5 afonsos e uma entrada directa para o Olimpo.


Quem também merece uma medalha é o ex-ministro da Economia, ausente em parte incerta, Manuel Pinho - o dos corninhos -  que há 8 anos apareceu numa foto montada na primeira página do DN na companhia do Leónidas.

1 comentário:

Oscar Maximo disse...

Para quando as corridas de costas em pista, a quatro, e outros estilos, para os corredores terem alguma hipótese de competir em numero de medalhas com nadadores? Para quando uma classe assexuada, para que os homens possam ter mais medalhas que as mulheres, caso acumulem ? Quem é contra a classe assexuada é reácionário.