Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

28/08/2016

ACREDITE SE QUISER: Desperdício de comida

Em 2012 a Europa desperdiçou 88 milhões de toneladas de comida no valor de 143 mil milhões de euros, ou uma média por cada europeu de 173 kg num ano ou 474 g por dia, o equivalente entre 1/5 e 1/3 da quantidade média de comida ingerida pelos humanos. O total desperdiçado seria suficiente para alimentar uns 140 milhões de bocas- a Rússia, por exemplo.

Em parte este desperdício e a consequente poluição devem-se à regulamentação com prazos de validade ridiculamente curtos e às dificuldades kafkianas de doação de comida pelos restaurantes e supermercados. Ao que parece a CE está a tratar do assunto. Esperemos que não seja nomeado um comissário para o Desperdício de Comida e, se o criarem, oxalá seja português.

1 comentário:

Anónimo disse...

E, queira Allah, seja mulher.

Agent Provocateur.