Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

23/10/2017

Dúvidas (208) - Para que servem dois partidos de protesto que não protestam?

«Tanto na Soeiro Pereira Gomes como na Rua da Palma, os dirigentes da extrema-esquerda sabem bem que umas eleições legislativas antecipadas iriam ditar uma diminuição abrupta dos dois grupos parlamentares. Afinal, para que servem dois partidos de protesto que agora têm medo de protestar?

Acontece que BE e PCP estão bloqueados no seu próprio desespero. Como já aqui escrevi anteriormente, não podem protestar para não afetar o governo que apoiam e não podem deixar de ser partidos de protesto, senão perdem a sua razão de existir.»

Pergunta-se João Gomes de Almeida e responde (e eu com ele) servem de «muletas de um governo PS, travestidas de oposição».

Sem comentários: