Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

23/08/2017

Mitos (260) - Diferenças salariais entre homens e mulheres (2)

[Continuação daqui]

Em retrospectiva: uma boa parte das causas abraçadas pela esquerdalhada é fundada em «factos alternativos» - uma bela formulação inventada por Kellyanne Conway, secretary press de Donald Trump, ele próprio um dos mais dotados criadores de «factos alternativos» que rivaliza com o melhor que a esquerdalhada nos vem oferecendo. O pay gap atribuído à discriminação de sexos (que os imbecis chamam de género) é mais um desses factos que não resiste a uns quantos kilobytes de informação e a uns minutos de reflexão. Para acrescentar uns kilobytes e ajudar à reflexão aqui vai um excerto do Economist Espresso de quarta-feira:

Go figure: the gender pay gap

Are women really paid much less than men for the same work, as is often claimed? Figures from 25 rich and middle-income countries gathered by Korn Ferry, a consultancy, show that women make 98 cents for each dollar earned by men employed at the same organisation, level and job function. Overall, women earn on average 79% of what men do, but this gap can be almost entirely explained by the fact that men are more likely to do highly paid jobs—not because they are paid more than women doing the same work. In Britain, France and Germany, for example, around 80-90% of executive jobs, and less than two-thirds of clerical jobs, are held by men. Closing the gender pay gap will therefore depend on eliminating the barriers that prevent women reaching senior positions. Slogans demanding equal pay for equal work, however, can be safely packed away.

Sem comentários: