Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

27/04/2011

DIÁLOGOS DE PLUTÃO: Não nos podem deixar entalados

- Estamos mal, diz ela.
- A culpa é da Europa, disse ele.
- Pois é, responde ela.
- A União Europeia não nos pode deixar entalados…, remata ele.

[Conversa escutada de passagem entre um casal de reformados cumprindo o seu jogging matinal. Provavelmente é um paradigma do pensamento político-financeiro da maioria da «choldra ignóbil», como Eça chamaria, se ainda por cá andasse, ao eleitorado do século XXI. Como chamou à populaça do século XIX, pela boca de Carlos Eduardo. E, que diabo, um povo não pode escolher ser choldra? Pode sim senhor. Infelizmente, é cada vez mais difícil obrigar os outros povos a pagarem por isso.]

Sem comentários: