Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

26/04/2011

Conversa fiada (5) – maior do que a dívida, só a desfaçatez

«Reconheço e valorizo todos aqueles que apelam ao consenso, ao diálogo e à concertação entre todos os políticos. Foi isso que fiz já há muito tempo e há muito tempo que tenho vindo a falar nisso. Poderíamos ter evitado muita coisa se tivéssemos esse espírito
[Palavras de José Sócrates aos jornalistas no pátio de S. Bento no dia 25 de Abril]

Não se sabe o que mais admirar: se a maior desfaçatez de um primeiro-ministro desde a fundação, se a falta de discernimento de um povo em que pelo menos 1/3 não parece dar-se conta de tal desfaçatez, se a tolerância a essa desfaçatez de legiões de eméritos novos situacionistas que militam no PS e dele dependem para manterem as suas tenças.

Sem comentários: