Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

09/05/2013

ESTADO DE SÍTIO: A grande reforma do ministério da Economia seria a sua extinção

Depois de quase 2 anos, de umas tímidas reformas e do procrastinar das mais importantes, o ministro da Economia (um ministério sem propósito num Estado liberal) anunciou ontem no parlamento que tinha decidido que «as empresas públicas e os institutos e os organismos da órbita do Ministério da Economia irão deixar de ter carros e motoristas para todos os vogais e presidentes das administrações». Não se sabe se esta formulação irá abranger pelo menos 1 pessoa em cada uma dessas instituições ou todas. É «para inglês ver».

Que conclusão? Só me ocorre concluir que a demagogia dos políticos profissionais só é ultrapassada pela demagogia dos políticos amadores.

Sem comentários: