Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

28/04/2012

Devemos ficar preocupados? (2)

«Constâncio acredita num regresso aos mercados em 2013

Esta fé surge-lhe 3 semanas depois de ter admitido a necessidade de um novo resgate e uma dúzia de anos depois de ter garantido que a importância da balança de pagamentos para Portugal após a adopção do Euro seria parecida com a do Mississipi.

Receio que não sejam só os espanhóis que devem ficar preocupados com as competências preditivas do ex-ministro anexo. Ó Impertinente, tens a certeza que isso é mesmo o princípio do princípio?

Sem comentários: