Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

07/06/2004

AVALIAÇÃO CONTÍNUA: Bem-vindo ao Clube. (CORRIGIDO)

Secção Res ipsa loquitor

Sousa Franco lançado para Belém, diz-se. Se for assim, o professor vem juntar-se ao candidato permanente doutor Mário Soares, ao alter ego deste, professor Freitas do Amaral, ao candidato reticente engenheiro António Guterres, ao candidato do tabu professor Cavaco Silva, ao candidato condicional (se Cristo descer à terra) professor Marcelo Rebelo de Sousa, ao candidato impaciente doutor Pedro Santana Lopes, e a muitos outros, como o doutor Carlos Monjardino, o doutor Vasco Vieira de Almeida, sem esquecer o candidato perpétuo - aquele doutor do MRPP cujo nome não me ocorre.

Quem melhor do que o professor Sousa Franco, que já foi potencial fundador do CDS, efectivo do PPD e da ASDI, força de bloqueio do professor Cavaco no Tribunal de Contas e ministro do governo anterior ao pior desde Dona Maria II, poderia representar a República? Cinco chateaubriands é o mínimo que lhe posso dar.

Sem comentários: