Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

23/01/2022

"Eleições faz de conta". Quem não tem cão caça com gato e talvez o gato consiga caçar. Mas será que o gato caça o bicho certo?

Continuação de "Eleições faz de conta". Quem não tem cão caça com gato. Mas será que o gato consegue caçar?

Pela primeira vez nos quatro anos de liderança do Dr. Rio, o PSD está à frente do PS com 1 pp nas últimas sondagens da CNN. O facto é tão inédito que não pode ser ignorado, apesar das reservas quanto à metodologia da Pitagórica, à dimensão da amostra e à percentagem de indecisos. A má notícia é que se fossem estes os resultados uma coligação do PSD só teria mais votos do que uma geringonça ressuscitada com o apoio do Chega. 

Isso talvez signifique que o PSD do Dr. Rio pode ganhar as eleições o que é definitivamente muito menos mau do que a eleições serem ganhas pelo PS do Dr. Costa ou de outro qualquer, com ou sem geringonça. Mas as ideias do Dr. Rio não passam a ser boas pelo facto dele poder ganhar as eleições, sendo certo que a política é a arte do possível, como dizia o Otto von, que também disse outras coisas como comparar os parlamentos a fábricas de salsichas.

2 comentários:

Anónimo disse...

Se a democracia é disfuncional e está cheia de bichos, o Ventura parece ter razão. Só puxando o autoclismo.

Bilder disse...

Exacto,mas só um autoclismo de tamanho normal não chega(lá está)tem de ser um de tamanho industrial.