Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

12/08/2005

TRIVIALIDADES: salto à vara

O ministro das Finanças justificou a nomeação do doutor Vara para a administração da Caixa pelas suas «qualidades e capacidades», pela sua licenciatura e pela «ligação à Caixa há mais de 20 anos». (Diário Digital)

O ministro esqueceu-se de informar que a licenciatura do doutor Vara tinha sido concluída (na Universidade Independente) 3 dias antes da nomeação e que a sua carreira na Caixa consistiu em muitos anos num lugar de funcionário administrativo do nível 9 numa qualquer agência, até que a sua demissão do governo do engenheiro Guterres (pela escandaleira da fundação) lhe proporcionou o regresso à Caixa e uma promoção súbita a director do nível 16, seguida agora da ascensão aos céus da administração do sarcófago bancário.

(Via Insurgente e Grande Loja do Queijo Limiano)

Sem comentários: