Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

21/07/2022

Pro memoria (423) - É muito descaramento. No lugar dos "frugais", cortaria ao Dr. Costa os fundos que os contribuintes europeus lhe dão para ele fingir que governa

Reagindo ao anúncio do financiamento pela UE de um pacote de medidas para ajudar os países mais dependentes do gás russo a fazerem transição, o Dr. Costa, depois de explicar que em Portugal se torraram 17 mil milhões de euros nas energias renováveis (esqueceu-se de dizer que durante 20 anos os portugueses pagaram a energia a preços mais elevados do que na maioria dos outros países) reagiu assim:

«A solidariedade significa também que não vamos fazer pagar aos portugueses, depois de investirem 17 mil milhões de euros em renováveis, custos suplementares para compensar o atraso em que outros se colocaram quando podiam e deviam ter feito investimentos como nós fizemos nas energias renováveis.»

Pordata
Para quem é primeiro-ministro de um país que desde 1986 recebeu da UE transferências líquidas de 78 mil milhões de euros (equivalente a cerca de 100 mil milhões de euros a preços de 2021) e durante os seus governos de 2016 a 2021 recebeu 14 mil milhões de euros e se prepara para receber 14 mil milhões de euros para financiar um Plano de Recuperação e Resiliência, dizer tal coisa mostra um enorme descaramento.

3 comentários:

Anónimo disse...

Já sabiamos que para ele a solidariedade só funciona num sentido.

Unknown disse...

Um mendigo sobranceiro e aldrabão - mas só para consumo interno...

Anónimo disse...

O pedinte a dar lições de moral aos que lhe enchem o rabo de dinheiro.