Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

12/08/2010

A PT é uma espécie de vaca marsupial pública e alguns accionistas são vitelos mamões

Já se sabia que vários accionistas vendem bens e serviços à PT em condições preferenciais. Alguns deles, como a Controlinveste e a Visabeira, provavelmente até só são accionistas por essa razão. Outros, como o BES e a Caixa, terão outras razões, mas não deixam de aproveitar uma oportunidade como a da assessoria à venda da Vivo e compra da Oi para cobrarem 12,5 milhões de euros. É uma comissão que daria para pagar uma equipa de 100 consultores para cada um dos bancos durante 100 dias com uma taxa pantagruélico de 1.250 euros por consultor e dia. Note-se que a Merryl Linch cobrou outro tanto e Morgan Stanley mais uns trocos. Tudo isto só para preparam os papéis porque quanto a negociação e decisão estava já tudo feito pelo bando dos que disputam a boca de cena. Certo? Se não, o que estiveram a fazer Lula da Silva, Dilma Rousseff e José Dirceu, por um lado, e José Sócrates, Ricardo Salgado, José Maria Ricciardi, Henrique Granadeiro e Zeinal Bava, por outro?

Sem comentários: