Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

06/02/2018

NÓS VISTOS POR ELES: Pés assentes na terra

Ozi
Enquanto nós por cá corremos atrás de fantasias de startups que duram uma estação e acabam quando acabam os subsídios, a estranja parece ter os pés assentes na terra e valoriza um trabalho notável que a indústria do calçado está a fazer nos últimos anos, sem os pés do governo e das suas luminárias, sem ajudas e sem subsídios.

1 comentário:

O Estrangeiro disse...

Como dizia o Sr. Fortunato Frederico, exportador de calçado e ex-presidente da Associação dos Industriais de Calçado, "...nós não queremos que o Estado nos ajude, só queremos que não estorve."