Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

01/08/2011

Bons exemplos (22) - «Um pioneiro antieduquês»

«Sabotar o ensino público - desqualificando-o em nome da democratização, da ausência de selectividade escolar, da pedagogia não directiva, da proibição de memorizar, mesmo da dispensa de aprendizagem da tabuada, da proclamação do prazer como única motivação do saber e do pensar - é, directa ou indirectamente, uma forma extrema e repugnante de liquidação do sistema público de ensino
[Sottomayor Cardia, ministro da Educação dos 1.º e 2.º governos, um socialista impertinente e desalinhado com o novo situacionismo, citado no Expresso por Guilherme Valente, editor da Gradiva]

Sem comentários: