Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

25/11/2008

Nem todos os obamas de Obama fazem felizes os obamófilos: episódio (4) a mãe de todas as desilusões

[Episódios anteriores (1), (2) e (3)]

Desta vez, é de vez. A obamófilia não vai resistir ao anúncio de ontem do santo padroeiro que «he might abandon a campaign promise of raising taxes on high-income Americans after he's elected. Instead, in a statement reflecting some political practicality, he suggested he may let President Bush's tax cuts for upper-income earners expire at the end of 2010 rather than repealing the cuts earlier».

Sem comentários: