Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

26/08/2009

TIROU-ME AS PALAVRAS DA BOCA: uma opinião do tele-evangelista a ter em conta

«O capital anda sempre de chapéu virado para o Estado", disse o professor Louçã na entrevista ao Jornal de Negócios. O capital, o trabalho, os sindicatos, os reformados, os velhos e os jovens desde a mais tenra idade, acrescentaria eu. É o ódio (à extorsão) e o desvelo (pelas tenças) bem português em relação ao Estado, dualidade a que se aplica o pensamento em curso de Bastiat «L'État, cette grande fiction à travers laquelle tout le monde s'efforce de vivre aux dépens de tout le monde

Sem comentários: