Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

29/06/2022

¿Por qué no te callas? (31) - Um caso de plágio

No jornal Le Monde de 11 Março de 1983, Françoise Giroud escreveu provocatoriamente 
«La femme serait vraiment l'égale de l'homme le jour où, à un poste important, on désignerait une femme incompétente.»
Quarenta anos depois, o Dr. Marcelo Rebelo de Sousa, o actual inquilino do palácio de Belém, disse com a sua habitual leviandade e neste caso com o que se pode classificar de desonestidade, atribuindo-se o que Giroud escreveu há quarenta anos, como se fosse seu o pensamento: 
«Eu costumava dizer o seguinte: só haverá verdadeiramente igualdade entre homens e mulheres, quando chegar aos mais altos postos uma mulher tão incompetente como chega em vários casos, em ínumeros casos, aos mais altos postos, um homem.» 

Daqui e de muitas outras coisas que S. Ex.ª tem vindo a produzir, concluo que vai ser difícil encontrar uma mulher para Belém para atingir a igualdade.

6 comentários:

José Meireles Graça disse...

Sem negar que será muito difícil encontrar uma mulher que seja uma mais completa nulidade do que Marcelo, é aventureiro declarar a tarefa quase impossível. Lembremo-nos de Ana Gomes.

Anónimo disse...

O homem é mesmo um traste. Apropriar-se do discurso de uma criatura desequilibrada, só porque entende que agrada ao ouvido das seitas de esquerda, é repugnante.
Vou dar as coordenadas do palácio ao Putin e dizer que é um centro comercial. Dizem que ele mata tudo, enquanto os drones de Santo Obama davam saúde. Pode ser que...

Unknown disse...

O bípede conhece a "claque"...Só uma microscópica minoria deu conta da coisa...
Não tenhamos ilusões : este pequeno bandalho ( e toda a cáfila encimada pelo costa ) é directamente proporcional à fauna que os pôs, e mant
ém,"lá"...

Camisa disse...

O Marcelo deve ser um leitor do Impertinências...

Anónimo disse...

Os enormissimos bandalhos são apenas os sabujos asquerosos cagalhões dos portugueses que votam neles. O zopa de massa e o monhas são apenas tarefeiros da zogaria xuxalista universal e nem se esforçam muito porque vivem num país onde só vivem cagalhões vegetativos e o principal problema nem tem só 48 anos como dizem os cagalhões direitalhos e nacionalistas é de sempre,congénito topam..?
Esquerdalha,centralha,direitalha,povoleu,bófia,justiça,futebois,nacionalistas,tudo enormissimos cagalhões!
Xuxalismo,futebois,panascada,ambientalismo,cães,gatos,taberna,copo 3,arruaça,algazarra,telenovelas,big brother,tatuagens,piercings,unhas de gel,aficanismo,vira do minho,ranchos folcloricos,fado bicha e faducho pimba,pintar o cabelo,cotas para gajas e trans,culto panascal,orgulho gay(25 mil num só dia na marcha de orgulho cagalhão),bosta de caezarroes e gatarrões nos passeios e nas escadas e entradas dos prédios e á solta nas ruas a morder e atacar criaturas,garagens e passeios bloqueados e por isso deficientes de cadeira de rodas a circular na estrada,bófia nojenta e justiça nojenta que não faz nada para impedir isto e quando lhes pedimos ajuda ainda tratam mal e ameaçam um gajo,água ao preço do ouro e estimativas com valores absurdos que um gajo é obrigado a pagar,IMI,imt,propriedade privada é estrumeira onde se atira com todo tipo de lixo,lugares destinados a volumes e deficientes nos transportes publicos ocupados por vacas saudaveis de mãos vazias,etc...fodase,que nojo de criaturas que transformaram esta terreola na maior latrina do mundo!
Basilio xuxalhão vira casacas das hortas de Sintra

Anónimo disse...


Um gajo que se atira às águas emporcalhadas do Tejo é capaz de tudo!