Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

16/03/2018

SERVIÇO PÚBLICO: Se a informação dos mídia é de má qualidade, que qualidade tem a de António Costa?

 «Um dos maiores problemas do país é a péssima qualidade da nossa informação, que só acorda para os problemas a meio das tragédias, esquecendo-se habitualmente do problema na hora certa de prevenir que a tragédia possa vir a ocorrer.»
António Costa, ontem no parlamento

«Este primeiro-ministro que acha o jornalismo péssimo — porque acorda a meio das tragédias e se esquece da hora de prevenir –, é o mesmo primeiro-ministro que não acordou para o problema a meio da primeira tragédia. Que não preveniu a segunda tragédia. Que manteve contra a sua própria vontade e sabe-se lá em que condições pessoais uma ministra sem capacidade para prevenir a tragédia seguinte. E que só agiu depois da tragédia se repetir, com mais de 100 mortos no currículo, com um conselho de ministros especial marcado e a demissão da ministra forçada pelo Presidente da República.»

Excerto de «Crónica. Este texto é um exemplo da “péssima qualidade da informação”», Vítor Matos no Observador

Sem comentários: