Our Self: Um blogue desalinhado, desconforme, herético e heterodoxo. Em suma, fora do baralho e (im)pertinente.
Lema: A verdade é como o azeite, precisa de um pouco de vinagre.
Pensamento em curso: «Em Portugal, a liberdade é muito difícil, sobretudo porque não temos liberais. Temos libertinos, demagogos ou ultramontanos de todas as cores, mas pessoas que compreendam a dimensão profunda da liberdade já reparei que há muito poucas.» (António Alçada Baptista, em carta a Marcelo Caetano)

23/09/2010

ARTIGO DEFUNTO: Parabéns à Nova por ter trocado a mistificação da glória pela verdade do resultado simplesmente bom

Quem ler este artigo do Negócio fica sem perceber quem é «a mesma instituição (que) ocupa o 2º lugar da lista - perdendo a primeira posição do ano passado para ESP Europe (instituição transnacional) -, através do mestrado em Gestão Internacional, mas neste caso trata-se de uma parceria com 25 escolas espalhadas por todo o Mundo».

Para perceber, pode começar por ler este meu post do ano passado onde se desmontou a notícia plantada em vários jornais sobre o «melhor mestrado em gestão do mundo» ministrado pela universidade Nova. Ficará a perceber que esse mestrado era afinal um mestrado da CEMS ministrado em 25 escolas incluindo a Nova. Portanto, «a mesma instituição» é a CEMS.

E assim se conclui, não tendo o «melhor mestrado em gestão do mundo», segundo os critérios do Financial Times, a Nova passou a ter pelo menos o 57.º melhor, verdade modesta incomparavelmente preferível à mistificação plantada o ano passado. Parabéns pelo 57.º e pelo abandono do marketing socrático .

Sem comentários: